Como escolher o Corretor de Imóveis.





O corretor de imóveis exerce uma profissão de alta responsabilidade, que exige uma habilitação profissional que tem reconhecimento público em nível federal, sem a qual ninguém pode praticá-la.





Além disso, é preciso entender que o corretor de imóveis é uma pessoa que ficará próxima de questões muito particulares da sua vida, que dizem respeito à sua segurança e da sua família em vários aspectos, desde os financeiros e patrimoniais até os pessoais.

Pensando nisso, preparamos esse post para ajudar você a identificar um corretor de imóveis de confiança. Confira!

Registro no Creci:

A profissão de corretor de imóveis é regulamentada pela Lei Federal nº 6530/1978, que define o Conselho Federal de Corretores de Imóveis (Cofeci) como órgão nacional competente para fiscalizar o exercido da profissão, enquanto os Conselhos Regionais de Corretores de Imóveis (Crecis) têm essa competência nos âmbitos estaduais. 

Para se registrar em qualquer Creci é necessário que a pessoa tenha passado pelo curso de capacitação como Técnico em Transações Imobiliárias (TTI), que prepara o profissional para o mercado. É no TTI que o corretor aprende a lidar com as várias e importantes questões envolvidas no exercício da profissão, como análise de documentação, financiamento, entre outros pontos importantes.

Quando se registra o Creci, o corretor recebe uma carteira de identidade que comprova a regularidade do exercício da profissão. De fato, muito do que a carreira exige em termos de conhecimento e confiabilidade é adquirido com o exercício. Todavia, o Creci é um ponto de partida essencial do qual nenhum profissional respeitável abre mão.

A experiência é importante:





É verdade que um corretor de imóveis recém-saído do curso preparatório e registrado no Creci está coberto pelo direito de exercer a profissão. 






Contudo, como já foi mencionado, existem conhecimentos e percepções que somente o exercício da atividade são capazes de oferecer. 

Considerando que o corretor de imóveis é um consultor para o mercado imobiliário, o nível de experiência que ele é capaz de comprovar é muito importante na escolha do profissional, de acordo com aquilo que você exigirá dele.

Reconhecimento no mercado:

Um bom corretor se torna reconhecido pelo mercado, seja pela ética, transparência e idoneidade com a qual atua, ou pela capacidade que tem de conduzir as negociações sem atropelos e sem criar falsas expectativas. Os profissionais que atuam assim são capazes de apresentar referências ou, ainda, você pode buscar entre os amigos aqueles que tenham sido atendidos por um profissional com essas características.

Uma boa conversa também não pode ser dispensada:

Por fim, é claro, é preciso considerar que a relação que você terá com um corretor de imóveis deve ser baseada não só na experiência e na idoneidade profissional. Afinal, ele também é um ser humano que pode ter características pessoais que não o tornam confiáveis pelo seu ponto de vista, ainda que apresente inúmeras características profissionais positivas.

Por exemplo, pode ser uma pessoa que se apresenta de forma indiscreta, um ponto negativo que pode ser decisivo para muitas pessoas. Ou, então, pode não apresentar o dinamismo que você deseja nas negociações. De qualquer maneira, essas e outras características somente poderão ser percebidas a partir de uma boa conversa.

Você tem bons motivos para Comprar seu Imóvel na Brasil Brokers - Solicite agora um Atendimento.


Fonte: Como comprar um apartamento

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu Nome e Email ao final da Mensagem, caso deseje alguma informação específica.

Atenciosamente.

Imóvel e Dicas.
www.imoveledicas.com