Saiba se o Imóvel está a um preço Justo!





São muitos os fatores que podem encarecer ou tornar um imóvel mais barato, como: seu tamanho, infraestrutura e tempo da obra.






A seguir, vamos mostrar como você pode verificar se a propriedade pretendida está sendo vendida por um preço justo. Confira:

Localização:

Este é um dos primeiros pontos observados no momento de comprar ou vender um imóvel. O tipo de bairro, as condições das vias de acesso e, principalmente, a disponibilidade de serviços nas redondezas, como escolas, restaurantes, farmácias, padarias e supermercados, são itens levados em consideração no momento de fixar o preço final do imóvel.  

Além disso, a posição da propriedade no terreno, como seu declive, se houver, e o tipo de vizinhança, mais tranquila ou muito barulhenta, também deve ser agregada ao preço.

Infraestrutura:

O tempo de construção do imóvel, sua condição de conservação, seu padrão de acabamento e revestimento, se já passou por reforma e os itens oferecidos ao morador, como piscina, área de lazer, vagas na garagem, churrasqueira, acessibilidade e itens de segurança devem ser observados atentamente, pois também influenciam no valor das propriedades.

Lembre-se que a infraestrutura oferecida pode ser boa ou precária. Não é porque o condomínio ou casa tem uma piscina, por exemplo, que você deve pagar muito mais por isso, afinal ela pode estar em péssimas condições, com vazamentos e sem segurança.

Metragem:




Primeiramente, é preciso comparar o valor de imóveis de tipos e tamanhos semelhantes, e aqueles localizados em seu bairro vendidos recentemente para se ter uma ideia de média de preços. 




O valor do metro quadrado de sua região, que deverá ser de conhecimento de seu corretor, também é uma informação muito importante no momento de fixar uma quantia.

Se o imóvel acabou de ser reformado e recebeu diversas melhorias (como armários embutidos, por exemplo, renovação da rede elétrica e outros) é normal o valor estar mais alto do que o metro quadrado praticado na área.

Segunda Avaliação:

Obter uma segunda opinião e solicitar a avaliação de um outro profissional é uma boa alternativa para ter maior tranquilidade e assegurar o valor. Além disso, essa nova análise evita possíveis distorções de métodos de trabalho, e dão mais segurança ao negócio. 

Para isso, você deve contar com a ajuda de um corretor que seja habilitado e credenciado pelo CNAI (Cadastro Federal de Corretores Avaliadores de Imóveis) ou pelo CRECI (Conselho Regional de Corretores de Imóveis). Alguns trabalham por conta própria e cobram menos pelo serviço do que quem opera por imobiliárias.

Você tem bons motivos para Comprar seu Imóvel na Brasil Brokers - Solicite agora um Atendimento.


Fonte: Imovelweb

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu Nome e Email ao final da Mensagem, caso deseje alguma informação específica.

Atenciosamente.

Imóvel e Dicas.
www.imoveledicas.com